Raio X da blogosfera – temas e motivos que movem os autores de blogs

quarta-feira, 24 setembro, 2008 by

Com o título “The What And Why of Blogging” (algo como “o quê e por quê blogar”, em português), a segunda parte do estudo State of the Blogosphere, do Technorati, busca essencialmente mostrar quais são os principais assuntos e razões que levam alguém a ser blogueiro. A pesquisa ouviu mais de mil autores de blogs e apresenta algumas conclusões interessantes. Confira as principais delas:

Conteúdo diversificado
Apesar de os tópicos pessoais e profissionais aparecem igualmente como os mais populares, três quartos dos blogueiros afirmam tratar de três ou mais temas em seus blogs.

Por quê blogar?
Expressar-se livremente e trocar conhecimentos especializados são os motivos mais citados pelos blogueiros. Em seguida vêm o famoso networking e a “abertura de portas” para os meios de comunicação tradicionais.

Blogueiros não estão nisso por dinheiro…
Mas também não achariam ruim ter algum retorno financeiro com seus blogs. E apesar de a maioria dos participantes da pesquisa dizer que bloga por diversão, 42% dos blogueiros espera ganhar dinheiro blogando e 20% já conseguem isso.

Blogueiros reconhecem o impacto positivo dos blogs em suas vidas
A maioria dos blogueiros pesquisados afirma que a atividade de blogar ampliou o seu círculo de amigos e aproximou colegas e familiares, além de torná-los mais “engajados” em seus hobbies e assuntos preferidos.

Autores de blogs profissionais e corporativos conquistam benefícios para carreira

Metade dos blogueiros do tipo profissional e corporativo (veja aqui o post que fala dessa segmentação) perceberam que se tornaram mais conhecidos em suas áreas graças a seus blogs.

Três em cada quatro blogueiros medem o sucesso de seus blogs pela satisfação pessoal
A grande maioria dos participantes da pesquisam usam mais de um parâmetro para medir o sucesso de seus blogs, mas a satisfação pessoal é de longe a mais popular. Entre as outras medidas estão o número de seguidores e de comentário e o retorno financeiro.

Quem quiser, pode ler o estudo completo aqui.

Publicidade

Raio X da blogosfera – Perfil dos autores de blogs

terça-feira, 23 setembro, 2008 by

Como falamos no post anterior, a primeira parte do State of Blogosphere – estudo anual publicado pelo buscador de blogs Technorati – traça um perfil do blogueiro global. Segundo a pesquisa, apesar de não formarem um grupo homogêneo, os autores de blogs, em linhas gerais, são: homens (66%), jovens (50% têm de 18 a 34 anos) e com bom nível educacional e financeiro (70% dos pesquisados têm nível superior e metade ganha mais de US$ 75 mil por ano).

Experiência
Um dado novo a se notar nesta edição do Relatório do Technorati é que a maioria dos blogueiros não são novatos: mais da metade dos que participaram do estudo já mantém – no mínimo – o seu segundo blog; e 59% já estão na ativa a mais de dois anos.
 


Pessoais, profissionais ou corporativos?
O estudo também abordou a segmentação do perfil dos autores de blogs em três tipos:

  • pessoal – bloga sobre assuntos de seu interesse, mas não relacionados a seu trabalho;
  • profissional – fala sobre sua área ou profissão, mas não oficialmente em nome de empresas;
  • corporativo – escreve oficialmente sobre a empresa em que trabalha.

E como um tipo não exclui os demais, temos aqui outro dado interessante: apesar de o grupo dos que  blogam sobre assuntos de interesse pessoal ser o maior da blogosfera (79%), boa parte dos autores de blogs transita entre os três grupos. Por exemplo, mais da metade dos blogueiros profissionais e corporativos escrevem também sobre temas de interesse pessoal, como mostra o gráfico abaixo:

 

Dentre os corporativos:
69% blogam também sobre temas de interesse pessoal
65% são também blogueiros profissionais

Dentre os profissionais:
59% blogam também sobre temas de interesse pessoal
17% são também autores de blogs corporativos

 

Fenômeno global
Aplicada em inglês, a pesquisa do Technorati foi respondida por blogueiros de 66 países, que publicam blogs em 20 línguas diferentes. Dentre os pesquisados, 43% vivem nos EUA e apenas 7% na América do Sul. Confira a distribuição geográfica dos autores de blogs:

 

Raio X da blogosfera

segunda-feira, 22 setembro, 2008 by

O Technorati começou hoje a publicação do State of the Blogosphere 2008. O estudo (em inglês) é considerado um dos mais detalhados e profundos (dentre os disponíveis hoje) sobre a blogosfera e será publicado em cinco partes ao longo desta semana. Uma por dia.

A primeira delas, entitulada “Who Are the Bloggers?” (quem são os blogueiros?), traça um perfil de quem faz blog. Nela é possível saber, por exemplo, que:

  • Dois terços dos blogueiros são homens;
  • Metade deles está na faixa dos 18 a 34 anos;
  • 70% têm nível superior

A análise é longa e recheada de dados que merecem ser destacados e comentados. E é isso que vamos fazer nos próximos dias aqui no blog.

Os próximos “capítulos” são:

  • The What And Why of Blogging (O quê e por quê blogar)
  • The How of Blogging (Como blogar)
  • Blogging For Profit (Blogando por lucro)
  • Brands Enter The Blogosphere (as marcas entram na blogosfera)

BlogWorld & New Media Expo 2008

sexta-feira, 19 setembro, 2008 by

Será realizado neste fim de semana, em Las Vegas (EUA), o BlogWorld & New Media Expo 2008. O evento, focado nos negócios, é tido como um dos maiores do mundo voltado para a promoção do mercado de blogs e novas mídias.

Trata-se de um misto de feira e convenção, que neste ano inclui mais de 50 seminários, debates e palestras de importantes figuras da área de tecnologia online e negócios de internet. Além dos blogs, também estão na pauta do evento os vídeologs, podcasts e microblogs (Twitter), entre outras plataformas de produção, publicação e compartilhamento de conteúdo.

A parte de exposição apresenta produtos e serviços para ajudar os blogueiros de perfil empreendedor e investidores interessados nas novas mídias online a melhorarem seus negócios. Vale a pena ficar atento para as novidades e dados que podem sair de lá.

Para se ter uma idéia do tamanho desse mercado, veja alguns números (dos EUA) apresentados pelos organizadores do evento:

  • mais de 12 milhões de adultos têm blog;
  • cerca de 120 mil blogs são criados a cada dia;
  • mais de 57 milhões de pessoas lêem blogs regularmente.

Eleições: o uso das redes sociais lá e cá

quinta-feira, 18 setembro, 2008 by

Guardadas as proporções e principais diferenças, um ponto que chama a atenção na comparação entre as eleições atualmente em curso nos EUA e no Brasil é o uso das redes sociais nas campanhas.

Enquanto lá os candidatos usam e abusam dos recursos de mídia social na internet para se comunicar com os eleitores, organizar eventos e até arrecadar fundos, por aqui a coisa é bem diferente.

Manifestações de apoio às candidaturas e propaganda eleitoral em blogs e sites são proibidas (o candidato só pode divulgar seu nome e número na sua página exclusiva de campanha).

E somente hoje, a menos de um mês das eleições municipais, é que saiu uma decisão da justiça favorável ao uso das redes sociais nas campanhas. Em votação unânime, o TSE de São Paulo decidiu que fica permitido manifestar apoio a candidatos no Orkut.

A sentença chega poucos dias depois de outra rede social, o Myspace Brasil, confirmar a desistência de lançar uma plataforma on-line para divulgar o pleito municipal brasileiro.

Enquanto isso, nos EUA, a rede de TV CNN, acaba de lançar o site The Forum, uma rede social voltada para a discussão da eleição presidencial, onde os usuários podem debater e compartilhar suas opiniões sobre os candidatos e suas plataformas de governo. E o republicano Barack Obama, continua se comunicando com diversos nichos do eleitorado por meio de comunidades em diversas redes, como MySpaceMigente, Asianave e BlackPlanet.

Redes sociais já são mais populares que sites pornográficos

quarta-feira, 17 setembro, 2008 by

O sucesso da web social está acabando com o domínio de um velho líder de popularidade na internet: a pornografia. A constatação é do pesquisador Bill Tancer, gerente geral da Hitwise e “maníaco confesso” por dados e buscas da web.

No livro “Click: What Millions of People are Doing Online and Why It Matters” (“O Que Milhões de Pessoas Estão Fazendo Online e Por Que Isso Importa”), Tencer mostra que as buscas de conteúdos pornográficos caíram pela metade na última década, e em especial entre os mais jovens.

“Minha teoria é que os jovens passam tantas horas nas redes sociais que não sobra tempo para procurarem sites adultos”, afirmou o especialista numa matéria do jornal inglês Telegraph, publicada esta semana.

Tencer analisou os hábitos de pesquisa de mais de 10 milhões de internautas e concluiu que, há dez anos, a busca de pornografia correspondia a 20% do total de buscas na web e hoje, respondem por apenas 10%, com uma queda maior entre os usuários na faixa de 18 a 24 anos. E, por outro lado, as buscas mais populares da Internet agora são relativas a sites de redes sociais.

Quem quiser saber mais sobre o estudo e preferir ler em português, a agência Reuters e diversos jornais, como o G1, publicaram matérias sobre o assunto. Já o site de Bill Tancer (em inglês)  tem outras informações interessantes sobre buscas na internet.

Tendências de uso das mídias sociais nos negócios

terça-feira, 16 setembro, 2008 by

E por falar em mídias sociais e empresas… A segunda edição do relatório “Trends and Best Practices in Adopting Web 2.0”, da consultoria Awareness, Inc. , mostra alguns dados muito interessantes sobre tendências e impactos da mídia social no mundo corporativo. Entre eles, destaque para o fato das empresas estarem, cada vez mais, permitindo o acesso a aplicações e conteúdos de mídia social para seus funcionários no horário de trabalho.

Segundo o estudo, o número de companhias que permitem que seus empregados usem recursos como blogs, vídeos online, redes sociais – com fins profissionais –, saltou de 37%, em 2007, para nada menos que 69% em 2008, do total de empresas consultadas.

O relatório aponta também que os empregadores continuam descobrindo os benefícios das mídias sociais:

  • 63% usam recursos de relacionamento online para construir e promover suas marcas
  • 61% para aperfeiçoar a comunicação e colaboração
  • 58% para estreitar o relacionamento com seus clientes

Já as  tendências entre mídias externas e internas, mostram que 70% das organizações planejam usar ou manter blogs para comunicação externa e 55% querem adotar redes sociais para o público interno.

Outro dado interessante é que as empresas consideram o uso de vídeos online, como o YouTube e afins, como a principal ferramenta de mídia social para os negócios, seguido das redes sociais e blogs (Ver quadro abaixo).


Para quem tiver interesse em se aprofundar, a pesquisa completa está disponível para download aqui.

Exemplos de uso da mídia social por empresas

segunda-feira, 15 setembro, 2008 by

Que cada vez mais empresas têm usado blogs, redes sociais e sites de compartilhamento, entre outras maravilhas da web 2.0, para promover suas marcas e estreitar relacionamentos com seus clientes, isto é fato. Não faltam bons exemplos desse uso. Mas, e que tal ter um monte deles (dentre os mais importantes ou destacados) reunidos num só lugar?

Pois é exatamente isso o que o especialista em marketing interativo e blogueiro, Peter Kim, oferece em seu blog: uma impressionante lista de ações de marketing nas mídias sociais de diversas companhias. Está precisando de um exemplo para ilustrar aquela proposta para o seu cliente? Vai lá e procura. Você tem boas chances de encontrar o que precisa.

Além de útil para consulta, o levantamento de Kim também serve para dar uma idéia de como as grandes empresas lá de fora estão trabalhando suas marcas na mídia social. Entre as iniciativas mais utilizadas estão os blogs, microblogs (leia-se Twitter) e canais de vídeo online e podcasts.

Pela lista também dá para perceber que as empresas de tecnologia estão entre as mais adptas aos recursos de interação e relacionamento com os seus públicos e as que fazem uso mais amplo e diversificado das aplicações de mídia social. Porém há também iniciativas interessantes de outros ramos. Veja as principais de algumas empresas:

General Motors

  • Blog: mantém sete blogs corporativos em seu portal GM Blogs, além do GM Next e do não citado Facts and Fiction (sim, como qualquer outra, a lista não é perfeita, e o autor pede a colaboração dos leitores para deixá-la constantemente atualizada).
  • Twitter:  GMblogs
  • Vídeos Online:  I Got Shotgun

McDonald’s

  • Podcasting: o McDonald’s Podcast disponibiliza conteúdo de reuniões e conferências com informações financeiras em formato de áudio para acionistas e investidores;
  • Redes Sociais:  a empresa tem uma comunidade interna para seus funcionários e também já criou aplicativos para o Facebook.

Pena é que os exemplos são todos de iniciativas de fora do país, ainda que a grande maioria das empresas tenha operações no Brasil e em outros países da América Latina. A dica da lista é do pessoal do blog Idéia 2.0, e pode ser lida aqui.

YouTube: 5 bilhões de vídeos assistidos nos EUA

sexta-feira, 12 setembro, 2008 by

Uma pesquisa da Comscore, divulgada nesta quarta-feira mostra que os norte-americanos assistiram mais de 11,4 bilhões de vídeos online no mês de julho. Quase metade deles em sites do Google – leia-se YouTube.

Os serviços de compartilhamento de vídeo da empresa tiveram, de longe, a maior audiência entre todos os outros serviços: 44%, ou 5 bilhões de vídeos assistidos – dos quais, mais de 98% foram vistos no YouTube.

A Fox Interactive Media – que controla o MySpace e o seu MySpaceTV – aparece em num distante segundo lugar, com 446 milhões de vídeos assistidos, ou 3,9% do total. E em terceiro ficaram os sites da Microsoft, com 282 milhões (2,5%) de vídeos, seguidos pelo serviços do Yahoo, com 269 milhões (2,4%).

Os números da Comscore impressionam. Segundo a pesquisa, 142 milhões de usuários de internet dos EUA, que equivalem a 75% dos internautas, assistiram vídeos online em julho. Quem tiver curiosidade, pode ver mais dados da pequisa aqui.

Brasil
Por aqui, com o crescimento do acesso à internet por banda larga em residências, o consumo de conteúdos audiovisuais também tem sido cada vez maior e o país é um dos campeões no uso do YouTube.

Segundo o Ibope/NetRatings 45% dos internautas residenciais brasileiros passaram pelo site de compartilhamento de vídeos em julho. Um ano antes, a audiência era de 36% do total de usuários da internet.

Alguns números do preferido
(Dados do Ibope/NetRatings referentes a julho/2008)

  • A audiência mensal pulou de 6,7 milhões para 10,6 milhões de internautas residenciais em um ano;
  • Cada usuário passa, em média, 50 minutos mensais no portal. Há um ano, a média era de 35 minutos;
  • Os homens representam 56% do público;
  • Um em cada quatro usuários do YouTube tem entre 12 e 17 anos;

Esses dados foram apresentados nesta matéria do jornal Zero Hora, publicada no final de agosto.

Flickr ainda mais “social”

quinta-feira, 11 setembro, 2008 by

O Flickr, um dos mais populares sites de compartilhamento de fotos da internet, vai ganhar em breve uma nova home page. Entre as novidades, destaque para os recursos típicos de redes sociais, como a possibilidade de acompanhar as atividades recentes de seus contatos; ler e escrever comentários e ver quem postou conteúdo em grupos de discussão, por exemplo. Tudo na sua página inicial.

A nova interface ainda está na fase final de testes, mas os usuários já podem ver como ela vai ficar. Basta clicar num link que aparece com a mensagem: “Psiu! Quer dar uma olhada em como vai ficar a sua nova página inicial”, exibida na rodapé da home logo após você se conectar ao Flickr. Vale a pena conferir.

O lançamento do layout remodelado, que deve se tornar o padrão nas próximas semanas, foi confirmado pelo blog oficial do site.